Postado por : Monik Ornellas

Tenho certeza que com esse post criarei inimigos eternos, mas faz parte do caminho. Ninguém agrada 100% das pessoas, né verdade?

Ser bicho é bem mais legal que SER HUMANO, né?

Eu gosto de bicho, hoje em dia. Antes eu não gostava nem um pouco de bicho, até porque eu era uma e eles refletiam a minha animalidade, minha agressividade. Mas fui aos poucos fazendo as pazes com o monstro que há em mim e com isso os bichinhos agora são somente bichinhos. Entendeu? Bichinhos!

Merecem amor, carinho, atenção, mas sempre serão BICHOS. Não merecem de forma alguma serem desprezados, maltratados ou qualquer tipo de maldade, mas sim serem tratados como os bichos que são, dentro da sua bichice.

Entendeu? Explico.

Penso que cada bicho, ou raça, tem sua natureza. Os bichos são nossos amigos, alguns são protetores, outros são trabalhadores energéticos importantes e várias outras funções. Por isso, reforçar a natureza do animal é trazer mais vitalidade para ele, é reforçar sua essência.

Sendo assim, acho o CÃO o povo de humaniza bicho como se ele fosse gente. Sem falar naqueles que trocam humanos por bichos.

Humanizar bicho dá nisso, estão fazendo bulling com os bichinhos!

Trocar humanos por bichos é coisa fácil! E é também uma fuga. Você pode gritar ou bater num cachorro (só não faça o mesmo com um gato, viu), que ele estará te lambendo 10 minutos depois como se nada tivesse acontecido. Faça o mesmo com sua mulher ou homem. A não ser que ele ou ela tenham Q de submissos, então aí também estarão lambendo suas botas tal como cachorrinhos. Caso contrário, se for um ser humano ordinário e dono de si, fatalmente vai rolar um fight.

Bicho é fácil, difícil é lidar com humanos. Lidar com humanos pede mais auto conhecimento e auto percepção da sua própria humanidade, porque cada ser humano que te incomoda esfrega na tua cara o  humano que você é.

Seu dia foi cheio e você está muito cansado? O animal aceita que você não tenha carinho para dar hoje, já uma pessoa acaba te forçando a aprender a administrar o ato de dar e receber.

O fato é, que há muito malabarismo nas relações humanas, e nem todo mundo está afim de atuar como equilibrista, logo, adestrar um leão, embora seja difícil no começo, é um jogo mais fácil e com satisfação garantida.

A verdade é que muita gente esconde sua inaptidão social com esse ativismo animal. Ter e amar um bicho é bom, mas não substitui, nem se compara a um amor HUMANO cheio das suas complexidades, dificuldades, dinâmicas, e que principalmente, não abana o rabo toda vez que você fala: Oi!

Então se liga, antes de falar que ser humano não presta e que prefere os animais, olha lá no espelho. Será você um Poodle?
"Os animais são bons amigos, não fazem perguntas e tampouco criticam." (George Eliot)

E eu pergunto: Você realmente gostaria de um amigo HUMANO assim? Conheço esse tipo, com o apelido de "puxa-saco".

One Response so far.

  1. Anônimo says:

    É isso aí!

Licença Creative Commons

Creative Commons License
Bitola Humana by Monik Ornellas is licensed under a Creative Commons Atribuição 3.0 Brasil License.
Permissions beyond the scope of this license may be available at http://consciencianarealidade.blogspot.com.

Verborragia em ebook, compre já o seu na Amazon.

Verborragia em ebook, compre já o seu na Amazon.
10 frases do dia-a-dia que influenciam sua vida.

Curta!

Mais lidos

Seguidores

Assine o Bitola por E-mail

- Copyright © Bitola Humana -Metrominimalist- Powered by Blogger - Designed by Johanes Djogan -